sábado, novembro 17, 2007

Sei que sim...

- Sabes? Acho que não vou chegar a ver uma ponte feita por ti.
- Vai sim, várias até!
- Não. Já não fico cá tempo suficiente para ver-te fazer pontes.
- Eu tenho a certeza que sim.
(Pausa)
- De onde estiver, irei ver as tuas pontes…

Se algum dia fizer uma ponte, será só porque tenho a certeza que ele “gustará” de vê-la. Da mesma forma que acho que ele me lê, porque foi quem me ensinou a questionar as pequenas coisas da vida, pensar sobre elas, para talvez um dia saber transmiti-lo através da escrita...

É tudo uma troca àquele último sorriso que foi meu, que para mim, valeu mais que mil palavras...

6 comentários:

Anónimo disse...

Bonito! Muito Bonito!

Ailime disse...

Só mesmo tu! Foi para ti que ele sorriu pela última vez.Mas acho que ainda sorri, lá de onde está. E sabe que constrois pontes, de muitas formas. Ele sempre soube tanta coisa... Escrevia bem, assim como tu. Deixou semente.Vive, enquanto te lembrares assim dele. E sei, porque te conheço bem, que sempre te vais lembrar.E ele até sabe que vais cuidar das flores que plantou.E sorri de novo, tenho a certeza. Pelo menos é assim que o vejo, com os olhos que veêm para dentro.
Bjo grande.

Papoila disse...

A ponte que te liga a ele continuaa ser construida no teu coração.... e ele ajuda, lá onde está, com a sua força.

Beijinhos
BF

Codinome Beija-Flor disse...

Joana,
Uma coisa tenho certeza, a melhor, maior e mais bela ponte da sua vida já foi contruída: "Essa família" linda que você tem, que com esse amor enorme que há entre vocês, podemos ver as pontes que unem esses corações.
Lindo post.
Beijinho

Blanche disse...

Gestos perfeitos... simplesmente. E que ficam,, ignorando tudo o resto!

minds disse...

Uau....
Forte!Tou sem palavras...